e-mail

info@europedirectolt.pt

telefone

+351 914 963 446 (chamada para a rede móvel nacional)

Title

Autem vel eum iriure dolor in hendrerit in COZAMASSE4 velit esse molestie consequat, vel illum dolore eu feugiat nulla facilisis at vero eros et dolore feugait.

Author Archive %s

Beja: Democracia e diversidade linguística sobem ao palco pela mão de jovens portugueses e espanhóis

Escolas Secundárias de Alenquer e do Bombarral participam no IV Encontro Transfronteiriço de Teatro

 

Em 2023, as celebrações oficiais do Dia Europeu das Línguas em Portugal passam pelo Baixo Alentejo.

Entre os dias 2 e 4 de outubro, decorrerá, em Beja, o IV Encontro Transfronteiriço de Teatro de Escolas Embaixadoras do Parlamento Europeu.

Durante três dias, a capital do Baixo Alentejo vai acolher ensaios e representações, mas também workshops de voz, improvisação e Teatro Fórum, conversas sobre democracia participativa e muito convívio entre alunos de Coimbra, Bombarral, Alenquer, Sintra, Lisboa, Serpa e Mérida (Espanha).

O programa arranca na segunda-feira, dia 2 de outubro, às 11h30, com uma cerimónia inaugural que decorrerá no anfiteatro da Escola Secundária Diogo Gouveia, com a presença de Sofia Moreira de Sousa, Representante da Comissão Europeia em Portugal, que participará igualmente, às 14h00, num debate com os jovens sobre democracia participativa, tendo por pano de fundo as próximas eleições para o Parlamento Europeu.

Nas palavras de Sofia Moreira de Sousa: «Neste que é o Ano Europeu das Competências, é bom ver os jovens a preparem o seu futuro, seja pela aprendizagem de línguas, seja pela aquisição de habilidades teatrais, seja ainda pela reflexão sobre o que querem para o seu futuro e quais as suas expectativas em relação à evolução da sociedade. Este encontro servirá certamente para os esclarecer e para que possam traçar a sua via com mais conhecimentos.»

O Pax Julia – Teatro Municipal vai acolher apresentações abertas ao público: a 3 de outubro, às 12h00, a peça musical «O Principezinho» pelo grupo de teatro (En)Cena de Serpa, às 21h00, o espetáculo de Jorge Serafim, e ainda as apresentações finais dos vários grupos a 4 de outubro. As entradas são livres.

O Dia Europeu das Línguas foi instituído no Ano Europeu das Línguas em 2001, por iniciativa conjunta do Conselho da Europa e da Comissão Europeia, com o objetivo de celebrar e preservar a diversidade linguística como uma riqueza do património comum da Europa.

Este encontro é uma atividade organizada e apoiada pela Representação da Comissão Europeia em Portugal e pelo Parlamento Europeu – Gabinete em Portugal; e também é organizada pelo EUROPE DIRECT Baixo Alentejo, a ADPM Mértola e o Agrupamento de Escolas nº 2 de Serpa, contando com o apoio e participação de outros centros da Rede Europe Direct, nomeadamente o Europe Direct Oeste, Lezíria e Médio Tejo; o Europe Direct – Área Metropolitana de Lisboa; e o Ed Ceiprex (Olivença – Espanha).

A Câmara Municipal de Beja , a Escola Secundária Diogo de Gouveia – Agrupamento de Escolas n.º 1 de Beja e a Câmara Municipal do Bombarral prestam um importantíssimo apoio à organização.

Dia Internacional da Limpeza Costeira | #EUBeachCleanUp | 16.09.2023 | 09.30 H | @ Foz do Arelho

Dia Internacional da Limpeza Costeira assinalado na Foz do Arelho
16.09.2023 às 09.30 Horas
Queremos muito contar com a vossa participação!
Inscrevam-se neste formulário:
 
Limpeza integrada na semana do Dia Internacional da Limpeza Costeira, iniciativa da Oceano Azul Foundation em parceria com a Representação da Comissão Europeia em Portugal e Parlamento Europeu – Gabinete em Portugal
Não se esqueçam do cantil, do protetor solar, calçado adequado, roupa confortável – e boa disposição!

#SOTEU 2023 | 13.09.2023 | 08.00 H

Definir o rumo para o próximo ano

«Este é o espírito da Europa. Uma União que se mantém forte e unida. Uma União que prevalecerá unida.
Ursula von der Leyen, discurso de 2022 sobre o estado da União

No seu discurso sobre o estado da União de 2023, a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, apresentará as principais prioridades e as iniciativas emblemáticas para o próximo ano, com base nos êxitos e realizações da União Europeia nos últimos anos.

Este será o último discurso deste mandato legislativo, antes das eleições europeias de 2024.

 

No dia 13 de setembro, siga o discurso sobre o estado da União em direto.

Saiba mais em: europa.eu/!XfdvT7
 
 
 

Uma União Europeia mais forte e mais resiliente

Ao longo do último ano, os europeus resistiram a uma crise energética, acolheram milhões de refugiados ucranianos nas suas casas, na maior deslocação de pessoas desde a Segunda Guerra Mundial, e deram um impulso à economia graças a investimentos europeus sem precedentes.

Este foi mais um ano de desafios sem precedentes e a UE voltou a estar à altura ao

Apoiar a Ucrânia e tomar medidas decisivas para responsabilizar a Rússia

Estimular o investimento, tanto interno como externo

Vencer a guerra energética travada pela Rússia contra a Europa

Transformar a nossa economia, acelerando as transições ecológica e digital

Proteger os valores fundamentais da UE da igualdade, inclusão e justiça social

 

Summer CEmp 2023 – escola de verão da Comissão Europeia arranca a 30 de agosto em Ponte da Barca, no Minho

A sexta edição do Summer CEmp, a escola de verão sobre assuntos europeus organizada pela Representação da Comissão Europeia em Portugal, decorre entre os dias 30 de agosto e 2 de setembro, em Ponte da Barca, no coração do Minho.

Esta edição do Summer CEmp, que conta com a colaboração da Câmara Municipal de Ponte da Barca e o apoio do Centro Europe Direct Minho, vai centrar-se na reflexão e discussão do impacto concreto que a União Europeia pode e deve ter na vida dos cidadãos e na importância da defesa e promoção dos valores europeus, nomeadamente a democracia e a participação dos jovens, tendo como pano de fundo as eleições europeias de 2024.

Durante quatro dias, 40 jovens universitários de todo o país vão debater de forma prática e abrangente o projeto europeu com um conjunto diverso de personalidades nacionais e internacionais, entre as quais Elisa Ferreira, Comissária Europeia para a Coesão e Reformas, Augusto Santos Silva, Presidente da Assembleia da República, Mariana Vieira da Silva, Ministra da Presidência, e os Secretários de Estado Tiago Antunes e Bernardo Ivo Cruz, respetivamente responsáveis pelos Assuntos Europeus e pela Internacionalização. Em Ponte da Barca vão igualmente marcar presença a Ministra para a Europa e Clima da Alemanha, Anna Lührmann, e a Secretária de Estado francesa dos Assuntos Europeus, Laurence Boone.

Acolhidos pela Representante da Comissão Europeia em Portugal, Sofia Moreira de Sousa, e pelo Presidente da Câmara Municipal de Ponte da Barca, Augusto Marinho, estes convidados integram um conjunto de mais de oito dezenas de oradores que animarão as diferentes discussões ao longo do evento.

Entre o naipe de oradores desta edição do Summer CEmp, destaque ainda para as presenças de Pia Ahrenkilde Hansen, Diretora Geral de Comunicação da Comissão Europeia, de Manish Chauhan, Embaixador da Índia em Portugal, e de Manuela Teixeira Pinto, Representante Permanente adjunta de Portugal junto da União Europeia. Numa altura em que se aproximam a passos largos as eleições para o Parlamento Europeu, o programa inclui ainda um conjunto de conversas em formato de debate rápido com os eurodeputados Isabel Carvalhais, João Albuquerque, Margarida Marques, Maria Manuel Leitão Marques, José Manuel Fernandes e Nuno Melo.

A escola de verão da Representação da Comissão Europeia pretende proporcionar aos participantes uma experiência diversa e eclética, pelo que durante os quatro dias do evento pelo município minhoto vão passar académicos, investigadores, jornalistas, artistas, empreendedores e inovadores sociais, entre outros perfis. A cultura continua a assumir um lugar de destaque na programação, desta feita com a presença da companhia de teatro Mala Voadora, da fadista Katia Guerreiro e do gaiteiro Luís Rocha, além de outros artesões e protagonistas locais.

Em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês, os participantes no Summer CEmp serão ainda convidados a discutir e dar sugestões sobre o próximo discurso do Estado da União Europeia, que a Presidente Ursula von der Leyen proferirá no dia 13 de setembro, e também sobre as prioridades políticas da Comissão Europeia, nomeadamente o NextGenerationEU, instrumento que financia o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) português. A Europa social e da inclusão, o contexto geopolítico atual e a política externa da UE, a reflexão sobre como aproximar a Europa dos cidadãos e como contribuir para criar soluções com impacto são temas transversais nesta edição do Summer CEmp, que acontece em pleno Ano Europeu das Competências.

O programa do evento está disponível aqui, juntamente com outras informações.

O Summer CEmp é um evento aberto à imprensa. Para credenciação e qualquer outra questão relacionada com a cobertura da iniciativa, contactar a assessoria de imprensa da Comissão Europeia em Portugal: Daniel Rosário – daniel.rosario@ec.europa.eu, 936 540 378 e Rita Fortunato Baptista – rita.fortunato-baptista@ec.europa.eu, 966 822 590.

Acompanhe e participe no debate online com a hashtag oficial #SummerCEmp e nas contas da Representação no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Contexto

Ao longo da sua existência, o Summer CEmp tem decorrido em diferentes localidades de Portugal, colocando no centro do debate a história, as oportunidades e os desafios concretos das respetivas comunidades no contexto das prioridades europeias. No ano em que se celebra o Ano Europeu das Competências, o Summer CEmp vai para o coração do Minho, em Ponte da Barca, depois de já ter passado por Monsanto (2017), Marvão (2018), Monsaraz (2019), Alcoutim (2021) e Ribeira Grande (2022).

O Summer CEmp é um seminário intensivo e dinâmico com formatos práticos de aprendizagem. Esta iniciativa da Representação da Comissão Europeia em Portugal nasceu da necessidade de envolver os atuais e os futuros líderes de opinião no debate sobre a União Europeia e de mobilizar os jovens em torno do que é e do que pode ser o projeto europeu e o papel da Comissão Europeia nesse contexto. Os 40 participantes da edição deste ano foram selecionados de entre um conjunto de mais de 250 candidaturas, constituindo um grupo heterogéneo de jovens dinâmicos que têm em comum uma grande motivação para discutir o presente e participar no futuro do projeto europeu.

Summer CEmp 2023

Quando? A 6.ª edição do Summer CEmp acontece de 30 de agosto a 2 de setembro de 2023.

Onde? Ponte da Barca, no Distrito de Viana do Castelo, no Minho. Num cenário inspirador, o debate sobre a União Europeia faz-se em articulação com protagonistas locais e com o património cultural e natural da localidade que o acolhe.

O quê? Quatro dias de programa intensivo composto por conversas diretas com oradores de alto nível – políticos, jornalistas, empreendedores, académicos, artesãos, artistas, entre outros – e uma variedade de atividades práticas aproveitando os recursos do grupo e da comunidade anfitriã.

Para quem? Estudantes que frequentem um estabelecimento de ensino superior na União Europeia no ano letivo 2022/2023, com idade até 30 anos. Podem candidatar-se estudantes de qualquer curso e de qualquer grau de ensino superior. De todas as candidaturas válidas, é selecionado um grupo heterogéneo de jovens dinâmicos que têm em comum uma grande motivação para discutir e participar no futuro do projeto europeu, tendo em conta o perfil, motivação e contribuição para a diversidade no grupo. A participação é gratuita.

Em que idioma?  O programa decorre maioritariamente em português. Algumas sessões podem decorrer noutras línguas, nomeadamente em inglês, sem interpretação.

 Mais informação:

Página dedicada ao Summer CEmp 2023

Brochuras das várias edições com os programas e lista de participantes: 2022, 2021, 2019, 2018, e 2017.

Dia Internacional da Limpeza Costeira #EUBeachCleanUP regressa em setembro com ações em todo o território

Entre 16 e 24 de setembro de 2023, celebra-se o Dia Internacional de Limpeza Costeira , uma iniciativa da Fundação Oceano Azul que pretende sensibilizar para a problemática do lixo marinho.

É um evento global que promove ações locais de limpeza em praias, zonas costeiras, rios, lagos e outros cursos de água.

Pelo 2º ano consecutivo, a Representação da Comissão Europeia em Portugal, os Centros EUROPE DIRECT, os Centros de Documentação Europeia  e a Rede de Eleitos Locais, associam-se à Fundação Oceano Azul para organização de limpezas um pouco por todo o território português, dando continuidade à iniciativa #EUBeachCleanUP.

As limpezas poderão ser organizadas nas praias e zonas costeiras, em rios, lagos, ribeiras, e também em parques, praias fluviais e zonas subaquáticas.

Sob o mote O OCEANO É GLOBAL, A AÇÃO É LOCAL, O EUROPE DIRECT Oeste, Lezíria e Médio Tejo convida todas as organizações e entidades do seu território a organizar ações de limpeza e a promovê-las com o objetivo de mobilizar a sociedade civil.

Para mais informações e inscrições por favor entre em contacto:

EUROPE DIRECT Oeste, Lezíria e Médio Tejo
Edifício da Antiga Escola Primária do Cadaval
E-mail: info@europedirectolt.pt
Telefone/WhatsApp: +351 914 963 446
Site: www.europedirectolt.pt
Facebook: www.facebook.com/europedirect.olmt
Instagram: www.instagram.com/edic_olmt

Estágio Blue Book – 1 março a 31 julho de 2024 | Comissão Europeia – candidaturas abertas até 31 de agosto

Está a decorrer o prazo para candidaturas aos estágios “Blue Book” (Comissão Europeia)
Concorra até ao dia 31 de agosto.
O estágio terá lugar de 1 março a 31 julho de 2024 (5 meses).
Áreas: Administração ou Tradução.
Requisitos de candidatura: Ter licenciatura concluída (pelo menos 3 anos) e conhecimento muito bom de duas línguas oficiais da UE.
Bolsa mensal: 1.350 euros.

AgriJovem 2023: Representação da Comissão Europeia quer sensibilizar jovens para oportunidades profissionais na agricultura

A Representação da Comissão Europeia em Portugal, organiza no dia 13 de Outubro de 2023,em Lisboa, uma iniciativa dirigida a jovens estudantes com aspirações a desenvolverem uma atividade profissional no setor agrícola em Portugal. As candidaturas estão abertas a partir de hoje e até ao fim de julho de 2023.

Com a colaboração da Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGAR) –  Rede Rural Nacional e o apoio do Instituto Superior de Agronomia, a Comissão Europeia convida um grupo de 40 estudantes do ensino superior em Portugal a refletir sobre várias políticas europeias que têm um impacto direto na atividade agrícola no território nacional e europeu.

Através de um programa de conversas e sessões práticas, reuniremos vários protagonistas da politica agrícola nacional e europeia, da academiaagricultores com experiência do setor e jovens agricultores em início de atividade, numa partilha de experiências que permitirá aos participantes enriquecer o seu percurso académico e profissional, de uma forma mais consciente e informada sobre os desafios e oportunidades do setor.

O programa procurará promover uma melhor compreensão e sensibilidade para as políticas europeias, em particular para a razão de ser da Politica Agrícola Comum (PAC) e da Estratégia “do Prado ao Prato”, do Pacto Ecológico Europeu. Desde solos saudáveis, bem-estar animal, novas técnicas genómicas e sistemas alimentares sustentáveis, ao conhecimento, inovação e novas tecnologias, passando pela competitividade e competências, os futuros profissionais do sector agrícola terão oportunidade de abordar todos estas temáticas durante o encontro.

No Ano Europeu das Competências, esta iniciativa irá sublinhar a relevância da aprendizagem ao longo da vida no setor agrícola e, em sentido mais lato, a importância da participação dos jovens no projeto europeu e no impacto concreto da União Europeia e dos seus valores, tendo como pano de fundo as eleições europeias de 2024. Será também uma forma de contribuir para a concretização de um dos objetivos da Presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen: colocar os cidadãos no coração da UE e reforçar a ligação entre eles e as instituições que os servem.

É impossível conceber a sustentabilidade futura da agricultura e das áreas rurais na Europa sem os jovens. Na União Europeia, apenas um em cada dez agricultores tem menos de 44 anos. A renovação geracional e uma aposta em atrair mais jovens para o sector agrícola constituem prioridades da nova Política Agrícola Comum. A iniciativa AgriJovem 2023, que hoje lançamos, procurará acima de tudo despertar a curiosidade dos jovens estudantes para a importância do sector agrícola no contexto dos novos desafios da transição digital e energética. No Ano Europeu das Competências, a troca de experiências entre futuros profissionais do sector, jovens agricultores, agricultores experientes, académicos e intervenientes políticos parece-nos fundamental para lançar as sementes de uma aprendizagem ao longo da vida e de um percurso profissional informado e consciente.”

Sofia Moreira de Sousa, Representante da Comissão Europeia em Portugal

A difusão de informação e conhecimento sobre novas práticas, tecnologias e inovações e a existência de ligações funcionais entre a investigação e a prática, são fatores determinantes para os nossos agricultores promoveram uma agricultura cada vez mais eficiente e sustentável. O reforço do Sistema de Conhecimento e Inovação Agrícolas (AKIS-Nacional), através de uma maior articulação e cooperação entre os vários intervenientes no setor agrícola (agricultores, associações, centros de competências, entidades do ensino e investigação, entre outras), permitirá contribuir de forma sinérgica para as necessidades, preocupações e oportunidades dos setores, centrando a atuação na partilha de conhecimento, captação de informação e inovações e na obtenção de resultados que garantam a sustentabilidade do setor.

A iniciativa AgriJovem 2023, ao reunir jovens estudantes do ensino superior da área das ciências agrárias, com diversos representantes do setor, em particular agricultores experientes e jovens agricultores, irá proporcionar um momento único de partilha de experiências e conhecimento que lhes irá permitir ficarem mais cientes sobre os desafios e as oportunidades, assim como a importância da Agricultura do ponto de vista da sustentabilidade económica, ambiental e social.

Maria Custódia Correia, coordenadora da Rede Rural Nacional

As candidaturas encontram-se abertas até ao dia 31 de julho de 2023.

Mais informação:

Página dedicada à Iniciativa AgriJovem2023

Formulário de candidatura à Iniciativa AgriJovem 2023

Acompanhe com o #AgriJovem2023 nas contas das redes sociais da Representação da Comissão Europeia em Portugal – InstagramTwitterFacebook

Contacto para questões: Joana Cruz-Schilling, Joana.cruz-schilling@ec.europa.eu

A EUROPOL procura estagiárias/os

Requisitos:
Ser nacional de um dos Estados-Membros da UE,
Ter licenciatura,
Ter muito bom conhecimento de pelo menos duas línguas oficiais.
Duração: 6 a 12 meses
Local: Haia
Bolsa mensal: 1.500 euros
Candidaturas até: Várias datas consoante a área (entre 4 e 12 de julho)